noticias23 Seja bem vindo ao nosso site Sovaco de Cobra!

Esporte

Robinho, após prisão, recebe liberação e volta a jogar futebol

Publicada em 04/04/24 às 03:45h - 609 visualizações

Fernando Melo, Areavip


Compartilhe
Compartilhar a noticia Robinho, após prisão, recebe liberação e volta a jogar futebol  Compartilhar a noticia Robinho, após prisão, recebe liberação e volta a jogar futebol  Compartilhar a noticia Robinho, após prisão, recebe liberação e volta a jogar futebol

Link da Notícia:

Robinho, após prisão, recebe liberação e volta a jogar futebol
Jogador Robinho  (Foto: Santos TV/YouTube)
O jogador Robinho acabou recebendo a liberação do isolamento da Penitenciária 2 de Tremembé (SP), podendo voltar a participar de partidas de futebol com outros detentos. Outros jogadores, como Daniel Alves, condenado por suposto estupro na Espanha, e Ronaldinho Gaúcho, preso no Paraguai por uso de passaporte adulterado, também disputaram campeonatos nos presídios em que cumpriram pena.

Após ser condenado pela Justiça italiana e receber ordem de prisão no Brasil, há poucos dias, o jogador ficou 10 dias sozinho em uma cela de 8m² para adaptação e realização de avaliações necessárias pela equipe da penitenciária. No entanto, após esse período curto, ele passou a dividir com outro detendo uma cela comum de 2 x 4 metros de dimensão, segundo informações do portal ‘g1’.

Ainda segundo as informações divulgadas, agora ele poderá participar de partidas de futebol, além de oficinas de teatro, aulas de inglês, ações religiosas, ensaios musicais e sessões de filmes seguidas de comentários no local onde está preso.

Em conversa com o portal citado, o advogado José Eduardo Alckmin afirmou que o jogador está bem e vivendo a rotina do presídio. Ele não teve contato com o ex-atleta desde a prisão. “Claro que ele preferia estar solto e vivendo a vida dele. Mas, dentro do possível, ele está bem“, afirmou o advogado.

Mais sobre Robinho

Como citado acima, Robinho foi detido pela Polícia Federal na cobertura onde morava em Santos, no litoral de São Paulo. A prisão aconteceu após o Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidir que ele deveria cumprir, no Brasil, a pena de 9 anos por um suposto estupro coletivo cometido contra uma mulher albanesa na Itália, em 2013. A sentença foi dada pela Justiça italiana em 2022.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (88) 9.9926-5572

Visitas: 1594277
Usuários Online: 56
Copyright (c) 2024 - Sovaco de Cobra - www.sovacodecobra.com.br / A sua voz não pode cessar!