noticias681 Seja bem vindo ao nosso site Sovaco de Cobra!

Brasil

Focos de incêndios no Pantanal triplicam em 2023

Publicada em 18/11/23 às 06:22h - 907 visualizações

Nova Iguaçu 24 h


Compartilhe
Compartilhar a noticia Focos de incêndios no Pantanal triplicam em 2023  Compartilhar a noticia Focos de incêndios no Pantanal triplicam em 2023  Compartilhar a noticia Focos de incêndios no Pantanal triplicam em 2023

Link da Notícia:

Focos de incêndios no Pantanal triplicam em 2023
 (Foto: Reprodução/Nova Iguaçu 24 h)
Um aumento alarmante no número de focos de incêndios no Pantanal em 2023, em comparação com o mesmo período em 2022, multiplicou por três o número de queimadas na região. O aumento de quase três vezes é motivo de preocupação. No ano anterior, ainda no Governo Bolsonaro, a região registrou número de queimadas da série histórica desde 1998.

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) fornece dados que revelam que os casos de incêndio se intensificaram a partir da segunda quinzena de outubro. Os focos de incêndio atingiram o ápice entre 30 de outubro e 5 de novembro, com 875 focos contabilizados nesse período. A situação tornou-se ainda mais preocupante com os 720 incêndios identificados apenas nesta semana.

O boletim diário da Operação Pantanal 2023 destaca um aumento significativo na área afetada pelos incêndios, especialmente na região sul-mato-grossense do Pantanal. A presença de quatro frentes de combate, com ênfase na região do Paiaguás, ao norte de Mato Grosso do Sul, indica a gravidade da situação e a necessidade de esforços intensivos para conter e controlar os incêndios.

TRANSPANTANEIRA

Na quarta-feira (15/11) o fogo chegou a avançar pela rodovia Transpantaneira, mas foi possível conter as chamas e evitar o avanço nas casas do local. “Dividimos as equipes e conseguimos segurar o fogo que pulou a Transpantaneira e proteger as residências”, disse o chefe de operações Helder Marques à EBC.

Segundo ele, a prioridade no momento é a proteção das propriedades. “Estamos tentando conter o incêndio de maneira geral, mas sempre visando proteger a comunidade”.

#LulaNero

O aumento de incêndios no bioma levou os internautas a protestar contra o Governo Federal. O termo #LulaNero chegou ao primeiro lugar dos assuntos mais comentados do Brasil na rede social X (ex-Twitter). O termo faz alusão ao imperador romano Nero, que colocou fogo em Roma. Além disso, os internautas questionam a piora na situação das queimadas em comparação ao discurso de Lula e dos petistas durante a campanha, quando acusavam Jair Bolsonaro de ter sido negligente com as queimadas no país.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (88) 9.9926-5572

Visitas: 1594035
Usuários Online: 40
Copyright (c) 2024 - Sovaco de Cobra - www.sovacodecobra.com.br / A sua voz não pode cessar!