noticias266 Seja bem vindo ao nosso site Sovaco de Cobra!

Policial

Autor de chacina morre em confronto com polícia em Sinop-MT

Publicada em 23/02/23 às 07:11h - 1134 visualizações

Folha da Política


Compartilhe
Compartilhar a noticia Autor de chacina morre em confronto com polícia em Sinop-MT  Compartilhar a noticia Autor de chacina morre em confronto com polícia em Sinop-MT  Compartilhar a noticia Autor de chacina morre em confronto com polícia em Sinop-MT

Link da Notícia:

Autor de chacina morre em confronto com polícia em Sinop-MT
Momento em que a Polícia Militar de Mato Grosso chega com o corpo do assassino  (Foto: Reprodução/Folha da Política)

Ezequias Souza Ribeiro, de 27 anos, chegou a ser socorrido pelos policiais depois de entrarem em confronto. Ele e Edgar Ricardo de Oliveira, de 30 anos, mataram sete pessoas, sendo uma adolescente de 12 anos. Eles estavam foragidos e a Polícia Militar fez uma força tarefa para encontrá-los.

Ezequias Souza Ribeiro, de 27 anos, morreu em confronto com a Polícia Militar, nesta quarta-feira (22). Ele é um dos autores da chacina em um bar, em Sinop, a 504 km de Cuiabá.

De acordo com a Polícia Militar, ele foi encontrado em uma área de mata, distante cerca de 15km da cidade, próxima ao aeroporto. No local, houve contronto entre ele e os policiais.

O suspeito foi atingido e chegou a ser encaminhado ao Hospital Regional de Sinop, mas, ainda conforme a PM, não resistiu aos ferimentos.

Já o comparsa dele, Edgar Ricardo de Oliveira, de 30 anos, continua foragido e as diligências continuam. Os dois mataram sete pessoas -- entre elas, uma adolescente de 12 anos, depois de perderem uma partida de sinuca.

O advogado Marcos Vinicius Borges, que representa Edgar, informou que ele irá se apresentar à polícia nesta quinta-feira (23).

Uma equipe do Batalhão de Operações Especiais (Bope) foi enviada para Sinop para atuar nas buscas pelos dois atiradores. Foi feita uma força-tarefa, em conjunto com a Polícia Civil e Militar, para prender os autores do crime.

A Polícia Civil apreendeu, na manhã desta quarta-feira, a espingarda calibre 12 mm e a caminhonete usadas durante a chacina. O material estava em uma obra no bairro Vila Verde, no município.

Edgar e Ezequias mataram sete pessoas após perderem uma aposta de sinuca. Um vídeo registrado pelas câmeras de segurança do local mostram o momento em que um dos homens, com uma pistola, pede para que as algumas das vítimas fiquem de costas, viradas para a parede.

Enquanto isso, um outro homem pega uma espingarda calibre 12 mm na caminhonete e chega atirando. As vítimas tentam correr e são atingidas já fora do bar. Após a execução, os homens pegam o dinheiro que está em uma das mesas de sinuca e outros objetos pelo bar e fogem em uma caminhonete que estava estacionada em frente do bar.

Além dos suspeitos, nove pessoas estavam no local. Seis morreram no bar e um homem foi socorrido em estado grave pelo Corpo de Bombeiros. Ele morreu à noite no hospital.

A Polícia Civil informou que os autores da chacina têm diversas passagens pela polícia. Conforme o delegado Bráulio Junqueira, responsável pelas investigações, Ezequias por porte de arma ilegal, roubo, formação de quadrilha, lesão corporal e ameaça, além de possuir um mandado de prisão em aberto. Já Edgar tem registro por violência doméstica.

Conforme o delegado Bráulio Junqueira, responsável pelas investigações, testemunhas relataram em depoimento que o clima no bar estava tranquilo antes do crime.

“Em momento algum, houve discussão ou desentendimento. Aparentemente, estava tudo normal”, disse o delegado.

A caminhonete e a espingarda usada pelos autores foram apreendidas na manhã desta quarta-feira (22), em um terreno no bairro Vila Verde. Conforme as investigações, o imóvel tem ligação com um dos suspeitos.

Edgar já teve registro como Colecionador, Atirador Esportivo e Caçador (CAC) e chegou a frequentar um clube de tiro de Sinop, mas foi desfiliado por faltas, de acordo com a Federação de Tiro de Mato Grosso (FTMT). 

Vídeos registrados pelas câmeras de segurança e por uma das vítimas mostram a movimentação no bar de Sinop, momentos antes do crime. Um dos equipamentos registrou dois homens jogando sinuca e outros três sentados, olhando o jogo.

Nas imagens, sentadas longe da mesa de sinuca, aparecem a adolescente e uma mulher, que sobreviveu.

Em um outro vídeo, registrado por uma das vítimas, homens aparecem jogando baralho no estabelecimento.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (88) 9.9926-5572

Visitas: 1542585
Usuários Online: 64
Copyright (c) 2024 - Sovaco de Cobra - www.sovacodecobra.com.br / A sua voz não pode cessar!