Política

Vereador juazeirense sonegou bens na declaração do registro de sua candidatura.

Discurso do vereador Márcio Joias destoa de sua declaração de bens.

Publicada em 10/07/21 às 11:04h - 575 visualizações

por Fábio Souza Tavares


Compartilhe
Compartilhar a notícia Vereador juazeirense sonegou bens na declaração do registro de sua candidatura.   Compartilhar a notícia Vereador juazeirense sonegou bens na declaração do registro de sua candidatura.   Compartilhar a notícia Vereador juazeirense sonegou bens na declaração do registro de sua candidatura.

Link da Notícia:

Vereador juazeirense sonegou bens na declaração do registro de sua candidatura.
Márcio Joias na sessão dia 6 de julho  (Foto: Reprodução/Câmara Municipal/JN)
Na declaração de bens junto à Justiça Eleitoral para registrar sua candidatura em 2020, o vereador Márcio Joias descreveu um patrimônio de R$ 250 mil reais relativo a 3 CASAS RESIDENCIAIS. Na sessão do dia 6 de julho, onde foi confrontado pela acadêmica de Direito Letícia Leandro, apresentou dados completamente diferentes.
Para se explicar contra as colocações de Letícia que o acusa de ter empresa com laranja e ter forjado a prisão de seu marido, o vereador disse que era uma pessoa honesta, de posses, que enricou às custas do trabalho: "Eu tenho inúmeros prédios no Juazeiro onde têm loja de carro, onde têm salão de beleza, onde têm material de construção, onde 'existe' vários apartamentos, onde no próprio prédio onde ela fala já 'existiu' vários escritórios de advocacia, de tudo, e, modéstia à parte, desculpando, senhor presidente, eu tenho imóvel até que é cabaré". Ou seja, o vereador Márcio Joias apresentou como seus, prédios comerciais não declarados em seu registro de candidatura.
A omissão na declaração de bens junto à Justiça Eleitoral pode levar à cassação do mandato do vereador, além de lhe trazer outras complicações. Ao querer se explicar apresentando-se enquanto empresário de bem endinheirado às custas do trabalho em uma tentativa de enterrar uma série de denúncias que o apresentam como um político voltado às ações de corrupção, inclusive recebendo dinheiro da Prefeitura a partir de uma sua empresa em nome de laranja, o vereador assumiu publicamente - fato registrado - que burlou a Lei eleitoral não declarando os imóveis comerciais que disse possuir no pronunciamento da sessão legislativa. Como dizem, a emenda saiu pior que o soneto.
Cada vez mais a situação do vereador se agrava. E ele, por sua vez, ainda complica o que já é complicado tropeçando em suas próprias palavras.



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

5 comentários


Josmacélio Geraldo Silva

11/07/2021 - 18:04:14

Estão brincando com a justiça brasileira, mas é porquê essa mesma justiça deixa margem pra isso!


Raquel

10/07/2021 - 16:51:01

Não sei pra que existe cargo de vereador??? Somente para ROUBAR junto com o prefeito 👎🏼👎🏼👎🏼💩💩💩💩💩💩


Estrela 🌟

10/07/2021 - 14:58:37

Esses vereador e vergonha de Juazeiro do Norte ce.


Francisca

10/07/2021 - 14:12:02

Agora e so pegar a falar de marcio joia e a declaracao de bens dele e pedir a cassacao do mandato dele.


Jorge Luiz

10/07/2021 - 13:15:12

Todos os candidatos mentiram nas declarações de end uns foram escancarados isso era pra da improbidade administrativa até mesmo para os servidores públicos que seja ou não candidatos era pra ser punido


Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (88) 9.9926-5572

Visitas: 665421
Usuários Online: 43
Copyright (c) 2022 - Sovaco de Cobra - www.sovacodecobra.com.br / A sua voz não pode cessar!