Policial

Ceará é o 5º estado em programa de segurança de Bolsonaro contra crime organizado

Ao todo, foram 127 pedidos do Estado autorizando o uso de ferramentas de investigação policial pela Polícia Civil do Ceará

Publicada em 21/02/22 às 07:55h - 253 visualizações

por Carlos Mazza, O Povo


Compartilhe
Compartilhar a notícia Ceará é o 5º estado em programa de segurança de Bolsonaro contra crime organizado  Compartilhar a notícia Ceará é o 5º estado em programa de segurança de Bolsonaro contra crime organizado  Compartilhar a notícia Ceará é o 5º estado em programa de segurança de Bolsonaro contra crime organizado

Link da Notícia:

Ceará é o 5º estado em programa de segurança de Bolsonaro contra crime organizado
Polícia Civil do Estado segue mandado de prisão preventiva em Caucaia  (Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil)
O Ceará é o quinto estado brasileiro que mais firmou parcerias com o Projeto Excel, ação do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) que presta auxílio no combate ao crime organizado com investimentos em inteligência. Ao todo, foram 127 pedidos do Estado autorizando o uso de ferramentas de investigação policial pela Polícia Civil do Ceará.

Segundo o MJSP, o Projeto Excel fornece hardware e softwares forenses para dar maior celeridade na extração e análise de dados de celulares apreendidos com o crime organizado. Com 2.350 parcerias firmadas em todo o País, a ação já teria provocado, segundo a pasta, prejuízo de R$ 1 bilhão para organizações criminosas.

No ranking nacional de uso de investimentos do programa, o Ceará aparece atrás apenas do Rio Grande do Norte (com 473 pedidos), Paraná (471), Pernambuco (239) e Santa Catarina (201). Investigações vão desde tráfico de drogas, (1346 casos), homicídio (325) e roubo (131) a até roubo a banco (67), lavagem de dinheiro (21) e pedofilia (4).

Em operação desde 2019, o Projeto Excel já investiu mais de R$ 18 milhões para auxiliar forças de segurança estaduais no combate ao crime. Ele funciona a partir de ordens judiciais prévias de quebra de sigilo telemático (de serviços de telecomunicação) em inquéritos policiais. Além dos investimentos na compra de equipamentos, o MJSP também fornece a capacitação para servidores na extração dos dados.

“Investir em inteligência policial e tecnologia é fundamental para enfrentar as organizações criminosas, atingindo de forma efetiva seus núcleos financeiros. O resultado desse projeto demonstra o compromisso do Ministério da Justiça e Segurança Pública em auxiliar e trabalhar de forma integrada com as forças policiais", afirma o ministro Anderson Torres.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (88) 9.9926-5572

Visitas: 550758
Usuários Online: 179
Copyright (c) 2022 - Sovaco de Cobra - www.sovacodecobra.com.br / A sua voz não pode cessar!