Policial

Dossiê mostra relação promíscua entre vereador, empresa e Prefeitura

O vereador Márcio Joias (PTB) aparece pela segunda vez na Operação Públio Vatínio.

Publicada em 10/12/21 às 06:56h - 1388 visualizações

por Fábio Souza Tavares


Compartilhe
Compartilhar a notícia Dossiê mostra relação promíscua entre vereador, empresa e Prefeitura  Compartilhar a notícia Dossiê mostra relação promíscua entre vereador, empresa e Prefeitura  Compartilhar a notícia Dossiê mostra relação promíscua entre vereador, empresa e Prefeitura

Link da Notícia:

Dossiê mostra relação promíscua entre vereador, empresa e Prefeitura
Dossiê compromete o vereador Márcio Joias  (Foto: Fotomontagem de fotos reproduzidas das redes sociais/Fábio Souza Tavares)

Em decorrência dos mandados de busca e apreensão resultantes da Operação Públio Vatínio, foi encontrado no apartamento do vice-presidente da Câmara Municipal de Juazeiro do Norte/CE, vereador Capitão Vieira (PTB), um dossiê dizendo o que todo mundo já sabia, menos a Polícia Civil e a Justiça: o esquema criminoso entre a empresa Alfa, propriedade de Márcio Joias acobertada por laranjas, e a Prefeitura juazirense.

Márcio Joias, através da Alfa, há muito vem fazendo cambalachos com a Prefeitura. Basta lembrar que, logo após a prisão do policial e youtuber João Paulo Teixeira Ramos que ocorreu mediante flagrante PREPARADO pelo supracitado vereador, a Alfa recebeu da gestão Glêdson Bezerra (PODE) quase R$ 1 milhão de pagamentos "atrasados". Seria muita coincidência se não houvesse um forte elo politico entre o vereador e o prefeito juazeirense. Não e à toa que Márcio Joias é o principal defensor de Glêdson na Câmara Municipal, embora o líder do chefe do Executivo seja o vereador Rafael Cearense (PODE).

É preciso saber o que a Polícia Civil fará diante dessa situação. Agirá com dois pesos e duas medidas ou pedirá o afastamento do edil das suas funções legislativas, como fez em relação a Darlan Lobo (PTB) e Capitão Vieira? É preciso que seja feita a coisa certa para que a opinião pública não pense que a investigação em curso tem viés político, o que não acredito. Até mesmo porque um vereador da base do prefeito juazeirense, o Beto Primo, hoje usa tornozeleira eletrônica.

O dossiê também aponta compra de votos realizada pelo vereador Márcio Joias. O interessante é que somente o vereador David Araújo (PTB) foi investigado sobre tal prática. Isso me faz lembrar o que me disse um popular outro dia em uma comedoria enquanto pagávamos o café da manhã: "Eles só investigam quem eles querem". Espero que não. Se não confiarmos em nossas instituições mais próximas que fé teremos na condução da cidadania, elemento imprescindível à boa saúde do ethos?




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

1 comentário


João Paulo ramos

10/12/2021 - 08:59:58

Os investigadores são sérios. Quem enganou a todos juiz promotor e investigadores se passando por bom moços foi o prefeito e o veador espero que hajam rápido porque provas esfriam e não quero imaginar que isto ira dar em pizza!


Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (88) 9.9926-5572

Visitas: 554755
Usuários Online: 67
Copyright (c) 2022 - Sovaco de Cobra - www.sovacodecobra.com.br / A sua voz não pode cessar!