Municípios

Governo Glêdson Bezerra (PODE): Crimes contra as crianças do Município - Parte 3

Crianças com necessidades especiais não têm seus direitos garantidos.

Publicada em 28/06/22 às 07:46h - 117 visualizações

por Fábio Souza Tavares


Compartilhe
Compartilhar a notícia Governo Glêdson Bezerra (PODE): Crimes contra as crianças do Município - Parte 3  Compartilhar a notícia Governo Glêdson Bezerra (PODE): Crimes contra as crianças do Município - Parte 3  Compartilhar a notícia Governo Glêdson Bezerra (PODE): Crimes contra as crianças do Município - Parte 3

Link da Notícia:

Governo Glêdson Bezerra (PODE): Crimes contra as crianças do Município - Parte 3
 (Foto: Fotomontagem/Fábio Souza Tavares)

Os problemas que afligem as crianças em Juazeiro do Norte/CE por ineficiência e prevaricação do governo Glêdson Bezerra (PODE) não se limitam à situação caótica do setor pediátrico convencional nem à ausência de uma política efetiva da área de abordagem social, questões ligadas, respectivamente, à Secretaria de Saúde (SESAU) e à Secretaria de Desenvolvimento Social e Trabalho (SEDEST). Atingem também, e de forma muito grave, as crianças com necessidades especiais.

No dia 30 de maio, as servidoras do Centro de Atenção Psicossocial Infanto-Juvenil (CAPSi) José Francisco Filho (Seu Mocinho) encontraram o prédio arrombado, sacudido, revirado e saqueado. De lá para cá, quase nada foi melhorado. Ao contrário, o atentado agora serve de desculpa para que o CAPSi não esteja funcionando a contento com a oferta dos profissionais, das terapias e outros procedimentos que essas crianças têm direito e necessitam para seu desenvolvimento físico, cognitivo, social e afetivo.

O problema com o transporte para essas crianças é recorrente, bem como a falta de medicação e fraldas. A culpa é sempre da licitação ou da falta de dinheiro. Mas o governo Glêdson Bezerra, depois de um ano e quase seis meses, ainda não aprendeu a fazer planejamento licitatório e sequer prestou contas com o conjunto da sociedade sobre os gastos específicos da Saúde Infantil. Acredito que o prefeito e seus Secretários terminarão o triste mandato tentando justificar sua enorme incompetência jogando a culpa na gestão do ex-prefeito Zé Arnon.

A situação complicada das crianças com necessidades especiais também é uma responsabilidade da Secretaria de Educação (SEDUC). Enquanto umas escolas da rede municipal de ensino não as aceitam, outras simplesmente as matriculam e as marginalizam. Nas salas de aulas, ficam sozinhas, sem orientação e descoladas dos trabalhos em duplas ou equipes. Sofrem bullying e não têm profissionais qualificados para lhes dar darem suporte pedagógico. Esses absurdos já foram por várias vezes matérias no Sovaco de Cobra e recentemente também no CETV da Verdes Mares.

A ausência de políticas públicas contempladas por Leis e necessárias ao desenvolvimento pleno dessas crianças é um verdadeiro crime porque compromete os seus futuros e a impossibilitam de serem cidadãs e cidadãos autônomos, situação essa que se não for mudada comprometerá suas existências.

Prefeito Glêdson Bezerra e Secretárias Francimones Albuquerque, Josy (Josineide) Lima e Pergentina Jardim, muito já foi cobrado de suas pastas. As mães dessas crianças não querem o impossível; querem simplesmente que as Leis sejam atendidas e a dignidade humana de suas crianças seja respeitada. Mas parece que isso é pedir muito para o atual governo municipal nepótico do caos e da corrupção.





ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (88) 9.9926-5572

Visitas: 655909
Usuários Online: 46
Copyright (c) 2022 - Sovaco de Cobra - www.sovacodecobra.com.br / A sua voz não pode cessar!