noticias467 Seja bem vindo ao nosso site Sovaco de Cobra!

Mundo

O que está por trás do ataque terrorista do Hamas do dia 7 de outubro? Entenda.

A paz não interessa ao Hamas.

Publicada em 22/10/23 às 05:18h - 919 visualizações

Fábio Souza Tavares


Compartilhe
Compartilhar a noticia O que está por trás do ataque terrorista do Hamas do dia 7 de outubro? Entenda.  Compartilhar a noticia O que está por trás do ataque terrorista do Hamas do dia 7 de outubro? Entenda.  Compartilhar a noticia O que está por trás do ataque terrorista do Hamas do dia 7 de outubro? Entenda.

Link da Notícia:

O que está por trás do ataque terrorista do Hamas do dia 7 de outubro? Entenda.
 (Foto: CBN News)

A data foi escolhida criteriosamente. No dia 6 de outubro de 1977, iniciou-se a Guerra do Yom Kippur (Dia do Perdão). No dia 7 de outubro deste ano, 50 anos depois, as pessoas de Israel comemoravam a data sagrada do povo judeu quando foram brutal e covardemente assassinadas pelos terroristas do Hamas que transformaram o dia de paz em um dia de terror onde a carnificina teve ações desumanas de genocídio, estupros, decapitações e sequestros de mais de mil civis, dentre os quais mulheres, crianças, bebês e idosos. Ou seja, um verdadeiro atentado aos direitos humanos básicos e uma gravíssima afronta aos princípios de guerra. Traduzindo: a barbárie.

Mas o dia estrategicamente escolhido pelo Hamas para o inicio de uma nova guerra no Oriente Próximo não foi o motivo primordial dos ataques terroristas do dia 7. O verdadeiro motivo de tal ataque foi o propósito, em voga, de destruir a aproximação entre Israel e Arábia Saudita, ou seja, de afastar a possibilidade de paz.

O Irã, Estado islâmico xiita, é inimigo histórico da Arábia Saudita, Estado islâmico sunita. Uma aproximação entre esse país de governo sunita, que é o mais poderoso da Península Arábica, e Israel enfraqueceria a correlação de forças que o país dos aiatolás mantém na região e, consequentemente, fortaleceria o Estado sionista. É preciso lembrar que o Irã, juntamente com o Qatar (Catar), é o principal financiador do Hamas.

Israel já tem relações amistosas com países árabes dos quais já foi inimigo e, desses, com quem já travou guerras. Acordos de paz e o estabelecimento de relações diplomáticas com Egito, Jordânia, Bahrein e Emirados Árabes trouxeram mais tranquilidade para Israel que é uma ilha cercada de islâmicos por todos os lados.

A conclusão da aproximação em curso entre Arábia e Israel seria o coroamento de uma relação que abalaria profundamente o interesse explícito do Irã, do Hamas e de outros grupos terroristas, como o Hezbollah e a Jihad islâmica, que é destruir o Estado de Israel e varrer o judaísmo do Oriente Próximo.

O Hamas sabia que seu ataque teria resposta de Israel. Escondendo-se entre civis e colocando o povo palestino como escudo humano, sabia que a resposta israelense fatalmente atingiria alvos civis e chamaria a atenção do Islão para o "massacre desumano" contra os islâmicos da Faixa de Gaza.

A Arábia Saudita, apesar de ser majoritariamente sunita e inimiga do Irã, tem no povo palestino, onde a maioria é de descendência árabe, um irmão. Assim, a legítima defesa de Israel e sua incursão em busca dos reféns e da aniquilação do Hamas provocam na população saudita um sentimento de indignação contrário às ações desenvolvidas pelo Estado sionista.

O Hamas e a política de versões produzida por ele e seus aliados mais uma vez trouxeram o terror e o recrudescimento dos ânimos para uma região que historicamente é conturbada por guerras. Assim, o grupo terrorista segue cumprindo seu intento.

Resumo: O ataque desumano do terrorista Hamas serviu, mais uma vez, para cessar uma política de paz entre países e semear o caos visando a aniquilação de Israel.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (88) 9.9926-5572

Visitas: 1596159
Usuários Online: 65
Copyright (c) 2024 - Sovaco de Cobra - www.sovacodecobra.com.br / A sua voz não pode cessar!