noticias572 Seja bem vindo ao nosso site Sovaco de Cobra!

Esporte

Esquema de corrupção em apostas esportivas se denominava “Lula 13”

Publicada em 28/05/23 às 04:37h - 803 visualizações

Nova Iguaçu 24 h


Compartilhe
Compartilhar a noticia Esquema de corrupção em apostas esportivas se denominava “Lula 13”  Compartilhar a noticia Esquema de corrupção em apostas esportivas se denominava “Lula 13”  Compartilhar a noticia Esquema de corrupção em apostas esportivas se denominava “Lula 13”

Link da Notícia:

Esquema de corrupção em apostas esportivas se denominava “Lula 13”
Matheusinho, do Sampaio Corrêa  (Foto: Reprodução)
A Operação Penalidade Máxima, que apura manipulação de apostas no futebol brasileiro descobriu que cinco jogadores do Sampaio Corrêa que se uniram em um esquema de manipulação de resultados tinha um grupo de WhatsApp denominado “Lula 13”.

No grupo “Lula 13” eles combinavam os detalhes do esquema. O espaço foi criado em novembro, dias após Lula da Silva (PT) ter sido declarado vencedor das eleições presidenciais.

As conversas foram encontradas no celular do lateral Matheusinho, um dos denunciados pelo Ministério Público de Goiás (MPGO). Ele era um dos membros mais ativos do grupo e aparece sendo elogiado pelos colegas por ter feito um pênalti na partida entre Sampaio 2 x 1 Londrina, na última rodada da Série B do ano passado.

Me deu uma missão pra mim matar… ou mato ou morro, mano. Não tinha jeito mano. Eu falei: ‘Ihh, alguém vai se fud… aí, porque eu vou dar o carrinho“, escreveu o jogador.

Apesar do pênalti cometido por Matheusinho, o grupo acabou levando prejuízo, já que outra aposta na rodada acabou dando errado. A aposta foi feita no modo de múltipla, onde mais de um fato precisa acontecer para que o apostador vença, o que aumenta o prêmio.

A investigação não descobriu o motivo pelo qual o nome do grupo faz referência ao presidente Lula. Nas mensagens, o petista é citado em duas oportunidades: na primeira, após Matheusinho mandar uma foto com um maço de dinheiro, um de seus companheiros manda uma figurinha do presidente com a pergunta “pode roubar?”.

Na segunda, o lateral escreve “Hoje o Lula tem que ganhar, pra gente ficar bem“. A mensagem foi enviada em 13 de novembro, quando Lula já havia vencido as eleições.

Além de Matheusinho, integram o grupo os zagueiros Paulo Sérgio e Allan Godoi, o volante André Queixo e o atacante Ygor Catatau. Todos eles foram denunciados pelo MPGO. Há ainda outros dois integrantes, que não foram denunciados.




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (88) 9.9926-5572

Visitas: 1465184
Usuários Online: 60
Copyright (c) 2024 - Sovaco de Cobra - www.sovacodecobra.com.br / A sua voz não pode cessar!