Skip to content

Você sabia que utilizando a sua nota do ENEM é possível estudar em uma instituição de ensino público? Isso é possível graças ao SISU 2019. Quer saber como funciona e como se cadastrar no SISU 2019? Então, continue conosco e não perca essa chance!

O Que é e Como Funciona o SISU?

SISU significa Sistema de Seleção Unificada. Esse nome pode parecer confuso, mas nada mais é do que um sistema de gerenciamento das vagas que as instituições públicas oferecem aos candidatos que participaram do ENEM. Quem gerencia esse sistema é o MEC (Ministério da Educação).

Como Ingressar no Ensino Superior com o SISU
Como Ingressar no Ensino Superior com o SISU

Diferente de outros processos de ofertas de vagas, o SISU ocorre em uma única etapa onde o candidato faz a sua inscrição optando por concorrer às vagas mais concorridas ou àquelas destinadas as políticas afirmativas.

É importante destacar que o candidato poderá mudar suas opções até o último dia de inscrição.

O processo de seleção do SISU se dá por meio da escolha dos candidatos mais bem classificados em cada curso. Essa classificação é feita de acordo com a nota obtida no Exame Nacional do Ensino Médio.

Assim que o candidato é selecionado, ele deverá realizar a sua matrícula na instituição no período que lhe for informado para efetivar assim a sua vaga.

Cada instituição receberá do próprio SISU uma lista de espera que deverá ser usada para as vagas remanescentes.

Se você sonha em estudar em uma instituição pública, não perca essa chance e se inscreva no SISU 2019!

Como as Notas do ENEM no SISU

Você deve estar se perguntando como o SISU 2019 vai utilizar a sua nota do ENEM, não é mesmo? A resposta é bem simples.

Assim que você acessa o Sistema de Seleção Unificada, o SISU automaticamente tem acesso às notas que você obteve no ENEM através do seu login e senha.

Algumas instituições de ensino adotam pesos diferenciados para as notas do ENEM em determinados cursos. Quando isso ocorrer, a sua nota será automaticamente calculada de acordo com o que estipula a instituição.

Resultado de imagem para sisu

SISU 2019: Resultado e Matrícula

O candidato que se inscreveu e quer acompanhar o resultado do SISU 2019 deve consultar o Boletim de Acompanhamento disponível no site oficial do SISU, na Central de Atendimento do MEC cujo telefone é 0800 616161 ou nas instituições participantes.

O candidato que for selecionado deverá acompanhar todas as informações em relação a matrícula e seus prazos no site do SISU ou na instituição pública que vai estudar. Perder o prazo da matrícula implica na perda de vaga. Fique atento!

SISU Inscrição

As inscrições SISU 2019, como nós dissemos, é feita com o número de inscrição do ENEM e a sua senha, pelo site oficial. Caso tenha perdido esses dados, basta acessar o site do ENEM e recuperá-los.

A inscrição para o SISU é gratuita, não podendo ser cobrada nenhuma taxa, pois é feita diretamente pelo Sistema.

Documentos para inscrição

Não é exigido nenhum documento para a sua inscrição, você deverá apenas informar os dados da inscrição no ENEM.

Lembre-se: as inscrições para o SISU 2019 ainda não foram abertas. Fique atentos logo no início do ano ao prazo de abertura dessas inscrições.

Boa sorte!

Os cursos superiores à distância estão ganhando muita fama ultimamente, e montando ofertas inaceitáveis. O curso superior a distância funciona por meio da tecnologia de transmissão via satélite, proporcionando a você os melhores cursos do país. Esse incrível sistema de ensino possibilita que o aluno assista aulas ao vivo, através de um telão em sua cidade. Você tem uma aula por semana, e o preço dos cursos superiores começa a partir de 195,00 reais. Entregam para você trinta livros gratuitos, não perca essa oportunidade única de fazer uma faculdade à distância. Para saber mais informações, entre no site “vestibularnacional.com“, e saiba tudo sobre curso superior à distância, com a UNINTER.

Os melhores cursos a distancia

O curso a distância pode ser uma interessante alternativa para as pessoas que não possuem tempo de frequentar as aulas regularmente em uma instituição. Esse tipo de graduação vem sido muito procurado e o mercado reconhece bem essa qualificação.

Um dos melhores meios para se realizar o seu curso a distância é através da internet. A rede mundial de computadores oferece grandes oportunidades, mas é essencial se certificar de que o curso é realmente reconhecido e se disponibiliza uma boa assistência online, como o UNOPAR EAD, que é um excelente centro de ensino à distância.

Dentre as instituições que oferecem esse tipo de curso, destaco a eficiência do Idep, que adota um sistema diferenciado de ensino e com certificado autenticado. Você poderá escolher entre cursos profissionais ou até mesmo na área de design com preços muito acessíveis.

Como sabemos tem pessoas que não tem condições de pagar o valor total de um curso, por isso existe o Educa Mais Brasil, que disponibiliza bolsas de até 70%. inscrição Educa Mais Brasil 2019 e tenha chance de pagar o valor reduzido do seu curso.

Caso você seja aprovado, poderá ter acesso ao Portal do Aluno do Educa Mais Brasil e ficar por dentro de tudo sobre o programa. Se preferir, existem algumas opções de cursos gratuitos:

Cursos gratuitos a distância

Estudar é cada vez mais importante, e não estou me referindo apenas ao ensino médio. Hoje em dia para ter e se manter em um bom emprego é necessário se formar no ensino médio, na faculdade, fazer pós-graduação, mestrado, doutorado e qualquer curso relacionado a sua área. É importante saber falar vários idiomas, além de dominar a língua portuguesa. Esse é o perfil do profissional que tem futuro. Estudar, estudar e continuar estudando. E como isso se tornou tão importante e algumas cidades não tem curso superior ou profissionalizante surgiram os cursos a distância. E muitos deles são gratuitos.

Um bom exemplo é a UAB (Universidade aberta do Brasil), que funciona a distância e tem vagas gratuitas nos cursos de Administração, Biologia, Artes Plásticas, Educação Ambiental, Física, Geografia, Gestão Pública, Informática, Pedagogia, História, Letras, Matemática e Mídias na Educação. O site para maiores informações é o http://www.uab.capes.gov.br/ E a maior novidade sobre educação a distância é a UFSCAR (Universidade federal de São Carlos). A faculdade está oferecendo além dos cursos presencias, cursos a distância de ótima qualidade.

E a UNOPAR fez uma parceria para oferecer alguns cursos. No site http://unoparcolaborar.com.br/ eles explicam direitinho como funciona. Para conseguir vagas nos cursos é necessário passar por um processo seletivo. Mas é uma oportunidade de você estudar em casa em faculdades de ótima qualidade. E com esses cursos você tem muito mais chances de encontrar um bom emprego e se dar bem na vida. Fique atento com o prazo das inscrições e boa sorte na escolha do curso!

 

O Programa Universidade para Todos “PROUNI” concede bolsas de estudos integrais e parciais de 50% em instituições privadas de educação superior em cursos de graduação e sequencias de forma especifica, a estudantes brasileiros sem diploma de nível superior.

Para poder participar do programa Prouni, os candidatos precisam seguir alguns requisitos. Veja no site abaixo e saiba quais são os requisitos para se inscrever. Abaixo você saberá quais são os tipos de bolsas do ProUni 2019 e como consegui-las de forma integral ou parcial.

Tipos de Bolsas

O Programa Universidade para Todos, possuem dois tipos de bolsas:

  • Bolsa Integral – É preciso que o estudante tenha uma renda familiar bruta mensal por pessoa de até um salário mínimo e meio;
  • Bolsa parcial – Oferece aos estudantes 50% do pagamento da instituição, para isso é preciso que o mesmo possua uma renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até três salários mínimos.

Para que o mesmo possa obter uma dessas duas opções de bolsa é preciso que:

  • Tenha cursado o ensino médio completo em escola da rede pública ou em escola da rede particular na condição de bolsista integral da própria escola;
  • Seja pessoa com deficiência;
  • Seja professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica e integrando o quadro de pessoal permanente da instituição pública e concorrer a bolsas exclusivamente nos cursos de licenciatura. Nesse caso, não é necessário comprovar renda.

Além desses o Prouni 2019 possui também bolsas remanescentes que são aquelas eventualmente não ocupadas no decorrer do processo regular do Prouni.

Para isso é preciso que o candidato atenda a uma das condições a seguir para que possa se inscrever na bolsa remanescente, veja quais são:

  • Seja professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica e integrando o quadro de pessoal permanente da instituição pública, para os cursos com grau de licenciatura destinados à formação do magistério da educação básica;
  • Tenha participado do Exame Nacional do Ensino Médio – Enem, a partir da edição de 2010, e obtido, em uma mesma edição do referido exame, média das notas nas provas igual ou superior a 450 pontos e nota superior a zero na redação.

Para saber mais sobre as bolsas do Prouni acesse: siteprouni.mec.gov.br.

Resultado ProUni

Após a realização da prova do Enem você terá que esperar um período para que possa saber qual foi a sua pontuação. Visto isso o candidato poderá verificar o resultado no próprio sistema de inscrições Prouni. Caso você passe em alguma instituição de ensino pegando uma bolsa remanescente, de 50% ou integral você terá que ir na instituição para fazer a entrega da documentação.

A instituição de ensino deve aferir a pertinência e veracidade das informações prestadas, concluindo pela aprovação ou reprovação do candidato. Sendo aprovado pela instituição você estará apto a estudar o curso escolhido por você na hora das inscrições, indo assim para a instituição que passou.

Agora que você já sabe quais são os tipos de bolsas existentes do Prouni e o que fazer após sair o resultado da prova do Enem e do programa. Realize a inscrição Prouni 2019 quando o período estiver aberto, estude e consiga alguma bolsa para estudar em alguma instituição. Caso tenha alguma dúvida deixe um comentário que te responderemos o mais breve possível. Boa Sorte!!

Milhares de candidatos se inscreveram para o 1º vestibular UERJ 2019. As inscrições foram encerradas no dia 10 de outubro e as provas serão aplicadas no dia 2 de dezembro.

Neste ano, foram oferecidas cotas para alunos negros, descendentes de indígenas e concluintes do ensino médio em escola pública.

Os cursos mais concorridos nesta edição do vestibular são: Direito, Jornalismo, Relações Internacionais, Administração e Desenho Industrial.

O gabarito das provas será divulgado no dia 2 de dezembro e as notas serão divulgadas no dia 21 do mesmo mês. Os aprovados poderão fazer suas matrículas a partir do dia 18 de janeiro de 2019.

A UERJ é uma das universidades mais concorridas do país. Por sua tradição, história, qualidade de ensino e estrutura, muitos estudantes do Rio de Janeiro e de outros Estados sonham em garantir sua vaga nela. Por isso, é importante para os candidatos se prepararem, fazendo cursinhos e estudando em casa também. Ter uma boa base de estudos no ensino médio com certeza é fundamental para conquistar a tão sonhada vaga em uma universidade estadual.

Vestibular UERJ Resultado do 1º Exame de Qualificação

Já foi divulgado o resultado do primeiro exame de qualificação do vestibular da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). O rol relaciona os selecionados para a segunda fase do processo de seleção, lembrando que, para passar para a próxima etapa, foi necessário acertar mais de 40% das perguntas objetivas da prova aplicada no domingo (dia 17 de junho).

Junto ao resultado, a UERJ também apresentou os dados do vestibular 2019. Com 84.114 inscritos, o índice de abstenção ficou em 7,21%, já que compareceram para fazer a prova 78.044 candidatos. Os faltantes ou mesmo estudantes que não se candidataram para o primeiro exame de qualificação podem participar da segunda etapa do vestibular, que será aplicada em 16 de setembro. A diferença é que, quem passar pelas duas etapas, poderá usar o melhor desempenho para concorrer na etapa final.

As inscrições para o segundo exame de qualificação estarão abertas entre os dias 3 e 25 de julho. Nesta segunda etapa, os acadêmicos deverão fazer provas de português, redação e de conhecimentos específicos.

Na primeira etapa, os candidatos que acertaram 70% ou mais das questões do vestibular receberam conceito A e levam 20 pontos de vantagem na segunda fase. De 60% a 69% o conceito é B, com 15 pontos. De 50% a 59% o conceito é C, com bônus de 10 pontos. E de 40% a 49% o conceito é D, com cinco pontos.